July 11, 2018

April 29, 2018

Please reload

Posts Recentes

**Acredita nisto? Eu não.**

April 1, 2017

1/3
Please reload

Posts Em Destaque

** Eu não quero **

July 11, 2018

“Eu não quero chegar atrasada. Eu não quero ficar sem dinheiro. Eu não quero ir trabalhar. Eu não me quero sentir mal. Eu não me quero enganar. Eu não quero fazer figura ridícula diante de tanta gente!” Podíamos continuar o dia todo nisto, certo?
Já se viu dentro deste filme? Não se preocupe, é normal. Todas somos assim. O ser humano tem uma natural tendência para se forcar no que não quer.
O grande problema é que tudo aquilo em que nos focamos, tudo aquilo sobre o qual investimos a nossa energia, os nossos pensamentos, o nosso tempo, aumenta de dimensão.
Repare: a sua energia é só uma. O seu tempo é só um. Você é só uma.
As opções são duas: ou decide investir a sua energia e o seu tempo no que não quer (e deixa o resultado em mãos alheias e ao acaso), ou opta por dar tudo o que tem e o que pode na obtenção de resultados para si, investindo no que quer, nos seus sonhos e nos seus objectivos.
Aqui sim, é uma questão de educar a mente para dar mais atenção e energia ao que queremos e não ao que não queremos. Não vamos aumentar de tamanho, de presença e de dimensão o que não queremos, os nossos medos, as nossas angústias. Vamos sim aumentar a dimensão dos nossos objectivos, das nossas qualidades, de tudo aquilo que nos faz bem na vida, e de tudo o que nos fortalece.
Dou-lhe um exemplo prático: está com uma dor de cabeça horrível. Se decidir focar a sua
atenção na dor e nas suas consequências, será de facto isso que irá colher. Mais do mesmo: ainda mais dor, ainda mais mal-estar. Se decidir que fará de tudo para “resolver” essa dor de cabeça, provavelmente irá agir nesse sentido, e daqui a 10 minutos já nem se lembrará que ela alguma vez existiu. Obviamente que a nossa vida não é tão simples, não se resolve com a toma de um comprimido, mas muitas vezes resolvemos muitos “problemas” com uma decisão, e acima de tudo com a energia que decidimos dar aos acontecimentos.

Má notícia: o nosso cérebro não filtra a palavra "não". Pense nisto! 

Share on Facebook
Please reload

Redes Sociais
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square

© 2017 por mafaldaalmeida.com